Uso da Vírgula

A vírgula é um sinal gráfico que tem função semântica e sintática, pois está ligada ao sentido do enunciado e à organização dos termos da oração.

Uso da Vírgula

Usa-se a vírgula para separar:

●        O vocativo do restante da oração.

Ex.: quem te ensinou, guerreiro branco, a linguagem dos meus irmãos? (ALENCAR. José de. Iracema)

●        Termos de uma enumeração que exercem a mesma função sintática:

Ex.: braços nus, colo nu, joelhos de fora.

●        Aposto

Iracema, a virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna. (ALENCAR, José de. Iracema)

Ex.: Um dia, ao sol a pino, ela repousava em um claro da floresta.

●       Termos explicativos (isto é, por exemplo, aliás, ou seja, em outras palavras)

Ex.: Na abertura de sua obra Política, Aristóteles afirma que somente o homem é um animal político, isto é, social, cívico.

 

●       Também usa-se a vírgula para indicar elipse ou omissão de um termo.

Ex.: Eu fui ao cinema; ele, à academia.

 

●       Entre orações coordenadas assindéticas.

Ex.: As casas de moda despejam nas calçadas as costureirinhas que riem, falam alto, balançam os quadris como gangorras.

 

●       Orações coordenadas sindéticas unidas com a conjunção “e” quando têm sujeitos diferentes.

Ex.: Venho das terras que teus irmãos possuíram, e hoje têm os meus.

 

●       Orações subordinadas adverbiais antepostas à oração principal.

Ex.: Se o senhor agora não tem dinheiro, por que não pede a meu pai?

 

Orações adjetivas explicativas.

Ex.: Para Basílio, que tem a velocidade como principal característica, o segredo não é correr sem necessidade dentro de campo.

 

●       Orações reduzidas de infinitivo, gerúndio ou particípio antepostas à oração principal.

Ex.: Apresentados como “o irmão de Chico Buarque”, “a filha de Renata Sorrah” e “a irmã de Wanessa Camargo”, eles avisam, antes de mais nada, que não consideram a opção pelo anonimato uma chance desperdiçada.

 

●       Orações coordenadas sindéticas adversativas.

Ex.: Eu quero casar-me com o senhor, mas não quero que me abrace antes de nos casarmos. (PENA, Martins. O juiz de Paz na roça)

 

●       Orações substantivas apositivas. (Nesse caso, usa-se vírgula ou dois-pontos)

Ex.: Minha esperança é somente esta, que um dia você volte.

  • RECOMENDE-NOS AOS SEUS AMIGOS
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Olá! Deixe seu comentário.Uso da Vírgula

Enviando Comentário Fechar :/

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo em seu e-mail:

A lista VIP da Pensar EaD é repleta de videoaulas, tutoriais, hangouts e muito mais.

Clique aqui para se cadastrar