Redação no ENEM: dicas para você se sair bem na competência 2!

Entenda a segunda competência e garanta seus 200 pontos

Redação no ENEM: dicas para você se sair bem na competência 2!
 TEXTO ELABORADO POR: Profª Rafaela Nóbrega

A redação do Enem é corrigida com base em cinco competências norteadoras. Vamos falar sobre a segunda delas?

A segunda competência norteadora da redação do Enem atua sobre três eixos:

  • Compreensão dos comandos a serem seguidos conforme dita o tema e a interpretação do tema e do assunto dos quais tratará a proposta de redação;
  • O uso da interdisciplinaridade para debater o tema usando os conhecimentos de mundo do candidato, aliado aos conhecimentos científicos adquiridos em sua formação;
  • Se manter dentro das características comuns ao gênero.

Quando tiver acesso ao tema, você precisará entender os comandos que estão propostos nele. Para isso, é importante (e necessário) que você compreenda a diferença entre “tema” e “assunto”. Tema é aquilo que é pedido explicitamente na proposta. Assunto é aquilo sobre o que trata o tema. Pense que o tema é um recorte mais restrito do assunto, que é amplo e, talvez, global.

Vamos tomar como exemplo o tema do ano passado: "Democratização do acesso ao cinema no Brasil".

O assunto desse tema é cinema, algo sobre o qual você poderia falar diversas coisas. O tema é a democratização do acesso a essa arte, então é acerca dessa democratização que você deverá falar.

Em se tratando da interpretação do tema, tente compreender sua ideia central. Se o tema fala sobre democratizar o acesso ao cinema é porque, no Brasil, essa arte é limitada apenas a uma parte da população. Partindo daí, você compreende que o tema é uma problemática e que precisa ser mudada, para que todos possam usufruir desse patrimônio cultural.

Você precisa usar a interdisciplinaridade (conhecimentos de várias áreas) para discutir seu ponto de vista. Apresente na redação o seu conhecimento de mundo, ou seja, aquele que você adquiriu ao longo de sua vida. Você pode utilizar séries, filmes, músicas, livros, documentários, desde que tenham correlação com o tema discutido. Isso mostrará que você consegue aliar seus conhecimentos próprios aos científicos, de onde virão os dados debatidos.

Você precisa, também, ter domínio sobre as características do gênero que irá trabalhar. O texto dissertativo argumentativo precisa ser escrito em prosa corrida, estruturado em parágrafos. Os parágrafos precisam se dividir em introdução, onde deve ser exposta a sua tese, ou seja, seu ponto de vista; o desenvolvimento, onde estarão os argumentos e a conclusão, onde você deve apresentar a sua proposta de intervenção, na qual mostrará sua sugestão para mudar a problemática.  

Seguindo essas características, você conseguirá atingir os 200 pontos a nota máxima para cada competência! Boa sorte! 

Esperamos que essas dicas te ajudem! Aliás, você já conferiu nossas outras matérias sobre redação? Para ter acesso, é só clicar aqui. Temos diferentes conteúdos que podem te ajudar a conquistar a tão sonhada nota 1000!

 

Quer ficar por dentro de mais dicas de estudos e conteúdos relacionados ao ENEM? Então, além de ficar atento(a) ao nosso blog, acompanhe também nosso Instagram e YouTube! Estamos sempre trazendo novidades.

 

Preparação de qualidade para o ENEM? 
Conheça nossa plataforma: www.pensaread.com.br/

 

  • RECOMENDE-NOS AOS SEUS AMIGOS
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Veja também:

Artigos relacionados

Olá, deixe seu comentário

Enviando Comentário Fechar :/